quarta-feira, 31 de agosto de 2011

ESTUDAR PARA QUÊ???




RESPONDAM-ME COM SINCERIDADE: 


ESTUDAR PARA QUÊ???
 


NÃO PRECISAMOS DE EDUCAÇÃO?


NÃO PRECISAMOS DE BONS PROFESSORES?
ENSINO INFANTIL, ENSINO FUNDMENTAL, ENSINO MÉDIO, SESC, SENAC, SENAI, IFES, UNIVERSIDADES FEDEREAIS, UNIVERSIDADES ESTADUAIS, ESCOLAS PROFISSIONALIZANTES, UNIVERSIDADES PARTICULARES .........
AFINAL....
PARA QUE SER UM PAIS DE 1° MUNDO SE ESTÁ BOM ASSIM? VEJA BONS EXEMPLOS:
Ronaldinho Gaúcho:  


R$ 1.400.000,00 por mês.
"Homenageado na Academia Brasileira de Letras"...LETRADO ELE, HEIN?!
Tiririca:  

R$ 26.000,00 por mês, fora os auxílios e mordomias;
"Membro da Comissão de Educação e Cultura do Congresso"...
COMO DIZEM OS GAUCHOS... BAHHHHHH TCHÊ...  MAS QUE TAL?
TRADUZINDO, O SALÁRIO DO PALHAÇO AI, PAGA SÓ 30 PROFESSORES, E PARA AQUELES QUE ACHAM QUE EDUCAÇÃO NÃO É IMPORTANTE, CONTRATA O TIRIRICA PARA DAR AULA PARA SEU FILHO.
Um funcionário da Sadia (nada contra) ganha hoje o mesmo salário de um ACT ou um professor iniciante, levando em consideração que para trabalhar na empresa você precisa ter o fundamental, ou seja, de que adianta estudar, fazer pós e mestrado, doutorado?

Piso Nacional dos professores: R$ 1.187,00
Moral da História:
Os professores ganham pouco porque só servem para nos ensinar coisas inúteis como: ler, escrever e pensar.
Sugestão:
Mudar a grade curricular das escolas, que passaria a ter as seguintes matérias:
- Educação Física: Futebol
- Música: Sertaneja, Pagode, Axé
- História: Grandes Personagens da Corrupção Brasileira;
Biografia dos Heróis do Big Brother; Evolução do Pensamento das "Celebridades" difundida pela "CARAS".
- História da Arte: De ANA MARIA BRAGA A XUXA passando por Carla Perez, Faustão...
- Matemática: (máximo multiplicador comum) Multiplicação Fraudulenta do Dinheiro de Campanha; Adição no Cálculo Percentual de Comissões e Propinas; DDD (Divisão Dinheirinho Desviado) em Subtrações simplificadas.
- Português e Literatura:
??????????????????????Para quê?????????? ???????????     Nóis fala cuma nóis sabo e dar tudo certu!
- Biologia, Física e Química:
Excluídas por excesso de complexidade
Está bom... ou quer MAIS!!!!!!!!!!!!!
ESSA É A EDUCAÇÃO NO NOSSO BRASIL!!!!!!

terça-feira, 30 de agosto de 2011

SER OU NÃO SER PROFESSOR... EIS A QUESTÃO!

Alguém está em frente ao boi e não consegue enxergar-lhe os chifres, porque está mais ocupado em descobrir pelo em ovo. Esta é a triste conclusão a que sou obrigado a chegar quando leio notícias deste teor. Acompanhem comigo:

Educação Ainda faltam professores

Temporários não conseguem cobrir a carência provocada, principalmente, por atestados médicos apresentados pelos docentes. GDF pediu autorização para chamar mais concursados, mas precisará se enquadrar na Lei de Responsabilidade Fiscal.

A três meses do fim de 2011, os alunos das escolas públicas do Distrito Federal ainda sofrem com a falta de professores. A carência é generalizada e ameaça o ano letivo em diversas regiões administrativas. A situação é mais crítica nos colégios de Taguatinga, Ceilândia, Samambaia, Recanto das Emas e Planaltina. Os docentes estão fora das salas de aula por atestados médicos ou outros motivos garantidos por lei. O problema é que não há temporários disponíveis para preencher esse vazio na grade das escolas. Só este mês, 439 educadores deixaram de ministrar aulas e não tiveram ninguém para substituí-los. As ausências são em matérias essenciais, como português e matemática, além de artes, educação física e inglês.

A Secretaria de Educação reconhece o problema e só enxerga uma solução para o caso: a nomeação imediata dos 1.104 professores aprovados no último concurso, realizado em 2010. “Solicitamos à Secretaria de Administração que permitisse a contratação de efetivos. Assim, poderíamos garantir que os temporários estariam disponíveis para repor a ausência daqueles que precisam tirar um atestado de 10 ou 15 dias”, ressalta a subsecretária de Gestão dos Profissionais da Educação, Patrícia Jane Rocha Lacerda. Por enquanto, a convocação dos concursados não foi autorizada. 
FONTE 

Espera aí, gente!

Eu perdi alguma aula... estou ficando esclerosado... ou é mesmo o que afirmo aí no começo?

Com tantas pessoas sendo "formadas" em pedagogia e tantas outras "gias" da vida que a educação/negócio proporciona aos filhos dos trabalhadores, ainda faltam professores? Será que não tem ninguém sério nesse ministério ou nesses (des)governos dos nossos estados capaz de compreender que se faltam professores é tão somente porque a carreira não é mais atrente para ninguém por conta das péssimas condições gerais de trabalho que são oferecidas?

Acredito que isto só pode ser gozação de alguém. Não acredito que me queiram fazer de estúpido assim gratuitamente. Eu não consigo entender qual foi o pecado que os professores cometeram para serem sempre eles os responsabilizados por todos e quaiquer desmandos que acontecem na educação... até mesmo daqueles mais visivelmente indicadores da falta de vergonha e responsabilidade de quem comanda e governa.

Professores do meu Brasil.... aproveitem a próxima vinda do Papa para pedir-lhe uma benção especial que vos redima de todos os vossos pecados, os que não professarem a religião cristã recorram às "entidades", aos vossos orixás mais poderosos e, quem sabe, dessa forma, vocês consigam ser o pelo e não o ovo.... ser os chifres e não o boi... sei lá... ser alguma coisa a mais que o que vos permitem ser neste dia.

Avante heróis da educação, quem sabe alguém se compadeça de vós e vos dê um aumento apenas abaixo da inflação do período! É vergonhoso!

segunda-feira, 29 de agosto de 2011

TEXTOS COMPLETOS PARA CONSULTA GRÁTIS- up

Uma dica para a pesquisa. Visitem a biblioteca da Clacso e disfrutem gratuitamente de milhares de textos integrais para consulta. Vale a pena conferir neste site:

http://www.biblioteca.clacso.edu.ar/

Red de Bibliotecas Virtuales de Ciencias Sociales de América Latina y el Caribe de la red CLACSO

AMOR MATERNO

Começando a Semana:

"Não tenhas vergonha da tua mãe. Não tenhas vergonha de apresenta-la a teus amigos. Não tenhas vergonha do gosto musical dela nem das piadinhas sem graça que ela faz a todos os instantes. Não tenhas vergonha de dizer o quanto tu a amas nem deixes de segurar a mão dela quando vocês sairem juntos, porque tu não sabes até que dia vais ter a pessoa mais importante da tua vida do teu lado, então, não percas tempo com parvoices".

sexta-feira, 26 de agosto de 2011

HERANÇA

Uma avó estava morrendo e manda chamar o neto.
 
- Meu querido, vou morrer em breve, mas quero que você saiba que vou te deixar minha fazenda, os tratores e debulhadoras, os cavalos, vacas, cabras e muitos outros animais, o estábulo e todas as plantações, além de R$ 2.450.000. Cuida de tudo com muito cuidado.

- Eitaaa vó, eu nem sabia que a senhora tinha uma fazenda. Onde fica?

A avó dá um último suspiro antes de morrer e responde:
- No Facebook...

quinta-feira, 25 de agosto de 2011

AMIZADE É ASSIM...

"Se pudéssemos ter consciência do quanto nossa vida é passageira, talvez pensássemos duas vezes antes de jogar fora as oportunidades que temos de ser e de fazer os outros felizes!!"

Acredito nisto: Quantas flores são empilhadas em um funeral e quantas flores a pessoa recebeu em vida? Detesto homenagens póstumas: são, geralmente, falsas.

Prefiro receber uma rosa e/ou uma palavra, por amarga que seja, de um(a) amigo(a) enquanto estou neste mundo, do que um caminhão de coroas de flores quando eu me for.

A alegria me mantém doce, desafios me mantêm forte, tristezas me mantêm humano, falhas me mantêm humilde, sucesso me mantém reluzente, mas... somente os amigos me mantêm em movimento!!! 

Quer falar de mim, para bem ou para mal? 
Pois fale enquanto eu estiver vivo. Depois de morto... me deixe em PAZ!

Obrigado aos meus amigos por fazerem parte da minha vida, independentemente se é por uma razão, uma estação ou por toda a vida.

quarta-feira, 24 de agosto de 2011

OBESIDADE MÓRBIDA NOS MUSEUS

Davi volta para Itália!

                                                                                        
ESTÁTUA VOLTA À ITÁLIA DEPOIS DE TOURNÉE NOS EUA
Depois de dois anos nos Estados Unidos, a estátua de Davi, de Michelangelo, vai embarcar de volta para Itália. 
Com o patrocínio de:

      

QUESTÃO DE OPÇÃO


Hoje levantei cedo pensando no que tenho a fazer antes que o relógio marque meia-noite.

É minha função escolher que tipo de dia vou ter hoje.

Posso reclamar porque está chovendo… ou agradecer às águas por lavarem a poluição.

Posso ficar triste por não ter dinheiro… ou me sentir encorajado para administrar minhas finanças, evitando o desperdício.
Posso reclamar sobre minha saúde… ou dar graças por estar vivo.

Posso me queixar dos meus pais por não terem me dado tudo o que eu queria…. ou posso ser grato por ter nascido.

Posso reclamar por ter que ir trabalhar…. ou agradecer por ter trabalho.

Posso sentir tédio com as tarefas da casa… ou agradecer a Deus por ter um teto para morar.

Posso lamentar decepções com amigos… ou me entusiasmar com a possibilidade de fazer novas amizades.

O dia está na minha frente esperando para ser o que eu quiser ser.
 

       Charles Chaplin
 
Pequena questão rotineira: o que você deseja para o seu dia de hoje?

segunda-feira, 22 de agosto de 2011

VIOLÊNCIA INFANTIL

VAMOS ABRAÇAR ESTA CAUSA?!

Um pequenino diz à sua Mãe: "Mãe eu pintei o teu lençol com baton". A Mãe fica furiosa, bate-lhe e deixa-o inconsciente, de seguida pede-lhe "abre os olhos por favor", mas já era tarde demais, o seu pequeno coração parara de bater. A Mãe volta para o quarto e vê o que está escrito no lençol "MÃE... EU AMO-TE!".
 
Por: Vinícius Guimarães
 
  
Por todas as crianças que são maltratadas... não faça corpo mole nem feche os olhos a essa triste realidade. Divulgue, participe ativamente desta campanha em prol de nossas crianças.
 

domingo, 21 de agosto de 2011

GOSTO DE MULHER

Neste início de semana, um pensamento especial para as minhas amigas, pois elas merecem (nem sempre, mas por favor não digam a ninguém!)
Toda mulher tem horror a barata: 
roupa barata, 
viagem barata, 
comida barata, 
jóia barata, 
sandália barata... 
Mulher gosta mesmo é de carinho: 
carro carinho, 
sapato carinho, 
perfume carinho, 
jantar carinho, 
trajes carinhos....
enfim de muito, mas muito Carinho!!!

sexta-feira, 19 de agosto de 2011

PROCRASTINAÇÃO

O cara que escreveu isso é bom em português, mas deve ser maluco e dispõe de muito tempo.

Apenas a língua portuguesa nos permite escrever isso.

Procure ponderar, procrastinando prazerosamente...






Pedro Paulo Pereira Pneumático, pequeno pintor português, pintava portas, paredes, portais. Porém, pediu para parar porque preferiu pintar panfletos. Partindo para Piracicaba, pintou prateleiras para poder progredir.

Posteriormente, partiu para Pirapora. Pernoitando, prosseguiu para Paranavaí, pois pretendia praticar pinturas para pessoas pobres. Porém, pouco praticou, porque Padre Paulo pediu para pintar panelas, porém posteriormente pintou pratos para poder pagar promessas.

Pálido, porém personalizado, preferiu partir para Portugal para pedir permissão para Papai para permanecer praticando pinturas, preferindo, portanto, Paris. Partindo para Paris, passou pelos Pirineus, pois pretendia pintá-los.

Pareciam plácidos, porém, pesaroso, percebeu penhascos pedregosos, preferindo pintá-los parcialmente, pois perigosas pedras pareciam precipitar-se principalmente pelo Pico, porque pastores passavam pelas picadas para pedirem pousada, provocando provavelmente pequenas perfurações, pois, pelo passo percorriam, permanentemente, possantes potrancas. Pisando Paris, permissão para pintar palácios pomposos, procurando pontos pitorescos, pois, para pintar pobreza, precisaria percorrer pontos perigosos, pestilentos, perniciosos, preferindo Pedro Paulo precaver-se.

Profundas privações passou Pedro Paulo. Pensava poder prosseguir pintando, porém, pretas previsões passavam pelo pensamento, provocando profundos pesares, principalmente por pretender partir prontamente para Portugal. Povo previdente! Pensava Pedro Paulo... Preciso partir para Portugal porque pedem para prestigiar patrícios, pintando principais portos portugueses. Paris! Paris! Proferiu Pedro Paulo.

Parto, porém penso pintá-la permanentemente, pois pretendo progredir. Pisando Portugal, Pedro Paulo procurou pelos pais, porém, Papai Procópio partira para Província. Pedindo provisões, partiu prontamente, pois precisava pedir permissão para Papai Procópio para prosseguir praticando pinturas.

Profundamente pálido, perfez percurso percorrido pelo pai. Pedindo permissão, penetrou pelo portão principal. Porém, Papai Procópio puxando-o pelo pescoço proferiu: Pediste permissão para praticar pintura, porém, praticando, pintas pior. Primo Pinduca pintou perfeitamente prima Petúnia. Porque pintas porcarias? Papai proferiu Pedro Paulo, pinto porque permitiste, porém, preferindo, poderei procurar profissão própria para poder provar perseverança, pois pretendo permanecer por Portugal.

Pegando Pedro Paulo pelo pulso, penetrou pelo patamar, procurando pelos pertences, partiu prontamente, pois pretendia pôr Pedro Paulo para praticar profissão perfeita: pedreiro! Passando pela ponte precisaram pescar para poderem prosseguir peregrinando.
Primeiro, pegaram peixes pequenos, porém, passando pouco prazo, pegaram pacus, piaparas, pirarucus. Partindo pela picada próxima, pois pretendiam pernoitar pertinho, para procurar primo Péricles primeiro. Pisando por pedras pontudas, Papai Procópio procurou Péricles, primo próximo, pedreiro profissional perfeito.

Poucas palavras proferiram, porém prometeu pagar pequena parcela para Péricles profissionalizar Pedro Paulo. Primeiramente Pedro Paulo pegava pedras, porém, Péricles pediu-lhe para pintar prédios, pois precisava pagar pintores práticos. Particularmente Pedro Paulo preferia pintar prédios. Pereceu pintando prédios para Péricles, pois precipitou-se pelas paredes pintadas. Pobre Pedro Paulo Pereceu pintando...

Permita-me, pois, pedir perdão pela paciência, pois pretendo parar para pensar... Para parar preciso pensar. Pensei. Portanto, pronto pararei.

FONTE

LIVRE-SE DAS CONTAS!







Para que isso aconteça deverá escolher a melhor fórmula... evidentemente!

Bom fim de semana a tod@s e não fiquem esperando milagres!

ESCUTATÓRIA EM TIRINHAS


COMO JÁ NOS DIZ O GRANDE RUBEM ALVES:
FALAMOS DEMAIS, OUVIMOS DE MENOS! 
DISCUTIMOS MUITO, DIALOGAMOS POUCO E
TOMAMOS DECISÕES PRECIPITADAS EM NOSSAS VIDAS.

"Esteja  pronto para ouvir"

Um agradecimento ao blog: http://blogdosanharol.blogspot.com/

quinta-feira, 18 de agosto de 2011

INFÂNCIA CULPOSA

Há pessoas que vivem me pedindo para que me comporte. Resisto! Resisto o quanto posso e vou de mau a pior em questão de comportamento. Imaginem só...

EU ME COMPORTAR? Desde pequeno vi o Tarzan andar pelado. Cinderela chegar a meia noite... Pinocchio mentir. Robin Wood ser ladrão. Batman dirigir a 320 km/h. Branca de Neve morar com 7 homens. Popeye fumar e ser todo tatuado. E o PacMan correr numa sala escura com música eletrônica comendo pílulas que o deixavam acelerado. 
 
TARDE DEMAIS!!! Não vou mesmo comportar-me. A culpa é da INFÂNCIA!!

CRISE EDUCACIONAL

Circula pela Internet...

A ser verdade, não duvido nem afirmo porque não escutei, o Ceará está mal no quesito políticas educacionais. A ter um administrador com essa visão é melhor se jogar num poço de lama a querer ser educador.

Mas isto, na verdade, já não me estranha muito, pois neste mesmo estado já alguém me  (nos) chamou de "pastoradores de televisão", então "o uso do cachimbo já me fez a boca torta".
Tenho apenas uma palavra para traduzir tudo isso: LAMENTÁVEL.



terça-feira, 16 de agosto de 2011

MODERAÇÃO

"Não repreendas quando sentes a indignação pela falta cometida. – Espera pelo dia seguinte, ou mais tempo ainda. – E depois, tranquilo e com a intenção purificada, não deixes de repreender. – Conseguirás mais com uma palavra afetuosa, do que ralhando três horas. – Modera o teu génio". 
(Josemaria Escrivá)

segunda-feira, 15 de agosto de 2011

EDUCAÇÃO DE QUALIDADE


Só pra descontrair na volta às aulas... 
Talvez repetido, mas sempre 
(des)agradável de ler!

Vida de professor não é facil.

Fala sééério!!!!!!

 


 

 

 




 


 


 


 
 


 

sexta-feira, 12 de agosto de 2011

DEVAGAR SE VAI AO LONGE

O texto abaixo, em francês, é um convite a que pratiquemos a ciência num regime menos acelerado, que se contraponha ao atual em que somos impelidos a produzir cada dia mais, mesmo se a qualidade não é observada como deveria ser.

Nesta oportunidade, traduzo apenas um parágrafo (sublinhado no texto) só para dar de imediato uma persepção do assunto. Diz o autor:

"Se aceitarmos as responsabilidades de gestores (conselhos universitários, gestão de departamentos ou laboratórios), como todos nós somos obrigados a fazer durante a carreira acadêmica, somos imediatamente obrigados a preencher dossiê após dossiê, muitas vezes dando a mesma informação e as mesmas estatísticas, pela enésima vez. Muito mais grave, os efeitos da burocracia invasiva e a prática quase abusiva das reuniões - o último fenômeno por causa das aparências da colegialidade, enquanto a esvaziamos de sua essência geral - significa que ninguém mais tem tempo para nada: é preciso comentar sobre os dossiês recebidos no mesmo dia para a implementação do dia seguinte! Certamente nós caricaturamos as coisas um pouco ao escrever isso, mas infelizmente não estamos longe de tal".

 

Appel

Pour un mouvement Slow Science

  

Chercheurs, enseignants-chercheurs, hâtons-nous de ralentir! Libérons-nous du syndrome de la Reine Rouge! Cessons de vouloir courir toujours plus vite pour, finalement, faire du surplace, quand ce n’est pas de la marche arrière! À l’instar des mouvements Slow Food, Slow City ou Slow Travel, nous appelons à créer le mouvement Slow Science

Chercher, réfléchir, lire, écrire, enseigner demande du temps. Ce temps, nous ne l’avons plus, ou de moins en moins. Nos institutions et, bien au-delà, la pression sociétale promeuvent une culture de l’immédiateté, de l’urgence, du temps réel, des flux tendus, des projets qui se succèdent à un rythme toujours plus rapide. Tout cela se fait non seulement aux dépens de nos vies – tout collègue qui n’est pas surmené, stressé, «surbooké» passe aujourd’hui pour original, aboulique ou paresseux -, mais aussi au détriment de la science. La Fast Science, tout comme le Fast Food, privilégie la quantité sur la qualité.


Nous multiplions les projets de recherche pour tenter de faire vivre nos laboratoires qui, souvent, crient misère. Résultat : à peine avons-nous terminé la mise au point d’un programme et, par mérite ou par chance, obtenu une subvention, que nous devons aussitôt songer à répondre aux prochains appels d’offres, au lieu de nous consacrer entièrement au premier projet.
Parce que les évaluateurs et divers experts sont eux-mêmes toujours pressés, nos CV sont de plus en plus souvent évalués au nombre de lignes (combien de publications, combien de communications, combien de projets ?), phénomène qui induit une obsession de la quantité dans la production scientifique. Résultat : outre l’impossibilité de tout lire, y compris dans les domaines les plus pointus, outre le fait que de très nombreux articles non seulement ne sont jamais cités mais ne sont jamais lus, il devient de plus en plus difficile de repérer la publication ou la communication qui compte vraiment – celle à laquelle le ou la collègue aura consacré tout son temps pendant des mois, parfois pendant des années – parmi les milliers d’articles dupliqués, saucissonnés, reformatés, quand ils ne sont pas plus ou moins « empruntés ».
Cela va de soi, notre offre de formation se doit toujours d’être « innovante », bien évidemment « performante », « structurante » et adaptée à l’ « évolution des métiers », évolution dont on a par ailleurs bien du mal à cerner des contours perpétuellement mouvants. Résultat : dans cette course effrénée à l’ « adaptation », la question des savoirs fondamentaux à transmettre – savoirs qui, par définition, ne peuvent être inscrits que dans la durée – n’est plus à l’ordre du jour. Ce qui compte, c’est d’être dans l’air du temps, et surtout de changer sans cesse pour suivre cet « air » tout aussi changeant.
Si nous acceptons des responsabilités gestionnaires (conseils d’université, direction de départements ou de laboratoires), comme nous sommes tous tenus de le faire au cours d’une carrière universitaire, nous voilà aussitôt contraints de remplir dossier après dossier, en donnant souvent les mêmes informations et les mêmes données statistiques pour la nième fois. Bien plus grave, les effets d’une bureaucratie envahissante et de la réunionite  – ce dernier phénomène permettant de sauver les apparences de la collégialité tout en la vidant généralement de son essence – font que plus personne n’a de temps pour rien : nous devons nous prononcer sur des dossiers reçus le jour même pour une mise en œuvre le lendemain ! Certes, nous caricaturons un peu les choses en écrivant cela, mais nous n’en sommes hélas pas loin.
Cette dégénérescence de nos métiers n’a rien d’inéluctable. Résister à la Fast Science est possible. Nous pouvons promouvoir la Slow Science en donnant la priorité à des valeurs et principes fondamentaux :
  • À l’université, c’est principalement la recherche qui continue à nourrir l’enseignement, malgré les agressions répétées de tous ceux qui rêvent de secondariser en partie cette institution. Il est donc impératif de préserver au moins 50% de notre temps pour cette activité de recherche, qui conditionne la qualité de tout le reste. Très concrètement, cela implique le refus de toute tâche qui empiéterait sur ces 50%.
  • Chercher et publier en privilégiant la qualité demandent que chacun puisse se consacrer exclusivement à ces tâches pendant un temps suffisamment long. À cette fin, revendiquons le bénéfice de périodes régulières sans charge d’enseignement ou de gestion (un semestre de droit tous les 4 ans par exemple).
  • Cessons de privilégier la quantité dans les CV. Des universités étrangères donnent déjà l’exemple, en limitant à 5 le nombre de publications que peut mentionner un candidat à un poste ou à une promotion (Trimble S.W., 2010, « Reward quality not quantity », Nature, 467:789). Ceci suppose que, de manière collégiale et transparente, nous nous dotions de méthodes et d’outils pour que nos dossiers ne soient plus évalués en fonction du nombre de publications ou de communications, mais en fonction du contenu de celles-ci.
  • Nourri de la recherche, l’enseignement est la mission par excellence des universitaires : il s’agit de transmettre les savoirs acquis. Il faut laisser les enseignants-chercheurs enseigner, en améliorant leurs conditions de travail (combien de temps gaspillé à résoudre des problèmes pratiques et souvent triviaux qui ne relèvent pas de leurs missions ?), en allégeant leurs tâches administratives et en réduisant le temps passé à « monter des maquettes ». Ces fameuses « maquettes », notamment, pourraient se borner à définir le cadre pédagogique propre à la discipline dans l’université considérée, sans qu’il soit nécessaire de changer ce cadre tous les quatre ans (ou cinq ans), comme c’est le cas actuellement.
  • Dans nos tâches de gestion, exigeons tout le temps nécessaire pour étudier les dossiers qui nous sont soumis. Désormais, dans l’intérêt de tous, travaillons uniquement sur les contenus et rejetons cet ersatz de démocratie ou de collégialité qui consiste à voter sur des dossiers que, dans le meilleur des cas, nous n’avons pu que survoler. Rien ne nous oblige à nous soumettre à l’idéologie de l’urgence dont se gargarisent le Ministère et les « gestionnaires responsables ».
  • Plus généralement, il n’est pas inutile de rappeler que notre vie ne s’arrête pas à l’Université et qu’il est nécessaire de garder du temps libre pour nos familles, nos amis, nos loisirs ou… pour le plaisir de ne rien faire.
Si vous êtes d’accord avec ces principes, signez le texte d’appel à la fondation du mouvement Slow Science. Mais, surtout, prenez votre temps avant de décider de le faire ou pas !

Joël Candau, 29 octobre 2010 (texte publié le 17 juillet 2011)

DE TUDO UM POUCO

 Os meus queridos leitores merecem muito mais que esta simples socialização de conhecimento. Como não tenho muito mais a oferecer, neste momento, deixo-lhes estas informações que espero possam ser úteis.

01. Quando for comprar qualquer coisa não deixe de consultar o site Gastarpouco.
www.gastarpouco.com

02. Serviço dos cartórios de todo o Brasil, que permite solicitar documentos via internet:
www.cartorio24horas.com.br/index.php

03. Site de procura e reserva de hotéis em todo o Brasil, por cidade, por faixa de preços, reservas etc.:
www.hotelinsite.com.br


04. Site que permite encontrar o transporte terrestre entre duas cidades, a transportadora, preços e horários:
https://appweb.antt.gov.br/transp/secao_duas_localidades.asp'

05. Encontre a Legislação Federal e Estadual por assunto ou por número, além de súmulas dos STF, STJ e TST:
www.soleis.adv.br

06. Tenha a telinha do aeroporto de sua cidade em sua casa,chegadas e  partidas:
www.infraero.gov.br/pls/sivnet/voo_top3v.inip_cd_aeroporto_ini=
07. Encontre a melhor operadora para utilizar em suas chamadas telefônicas:
http://sistemas.anatel.gov.br/sipt/Atualizacao/Importanteaspp'

08. Encontre a melhor rota entre dois locais em uma mesma cidade ou entre duas cidades, sua distância, além de localizar a rua de sua cidade:
www.mapafacil.com.br

09
. Encontre o mapa da rua das cidades, além de localizar cidades:
http://mapas.terra.com.br/Callejero/home.asp


10 Confira as condições das estradas do Brasil, além da distância entre as cidades:
www.dnit.gov.br

11. Caso tenha seu veiculo furtado, antes mesmo de registrar ocorrência na polícia, informe neste site o furto. O comunicado às viaturas da DPRF é imediato:
www..dprf.gov.br/ver.cfmlink==form_alerta

12. Tenha o catálogo telefônico do Brasil inteiro em sua casa. Procure o telefone daquele amigo que estudou contigo no colégio:
www.102web.com.br

13. Confira os melhores cruzeiros, datas, duração, preços, roteiros, etc.:
www.bestpricecruises.com/default.asp


14.. Vacina anti-câncer (pele e rins). OBS: ESTA VACINA DEVE SER SOLICITADA PELO MÉDICO ONCOLOGISTA:
www.vacinacontraocancer.com.br/hybricell/home.html

15. Indexador de imagens do Google - captura tudo que é foto e filme de dentro de seu computador e os agrupa, como você desejar:
www.picasa.com

16. Semelhante ao Internet Explorer, porém muito mais rápido e eficiente, e lhe permite adicionar os botões que desejar, ou seja, manipulado como você o desejar:
www.mozilla.org.br/firefox

17. Site de procura, semelhante ao GOOGLE:
www.gurunet.com

18
. Site que lhe dá as horas em qualquer lugar do mundo:
www.timeticker.com/main.htm

19
. Site que lhe permite fazer pesquisas dentro de livros:
www.a9.com


20. Site que lhe diz tudo do Brasil desde o descobrimento por Cabral:
www.historiadobrasil.com.br

21
. Site que o ajuda a conjugar verbos em 102 Idiomas:
www.verbix.com

22
. Site de conversão de Unidades:
www.webcalc.com.br/conversões/area.html

23
. Site para envio de e-mails pesados, acima de 50Mb:
www.dropload.com

24
. Site para envio de e-mails pesados, sem limite de capacidade:
www.sendthisfile.com


25. Site que calcula qualquer correção desde 1940 até hoje, informando todos os índices disponíveis no mercado financeiro. Grátis para Pessoa Física:
www.debit.com.br

26. Site que lhe permite falar e ver pela internet com outros computadores, ou LHE PERMITE FALAR DE SEU COMPUTADOR COM TELEFONES FIXOS E CELULARES EM QUALQUER LUGAR DO MUNDO GRÁTIS -Decomputador paracomputador, voz + imagem. De computador para telefone fixo ou celular:
www.skype.com

27. Site que lhe permite ler jornais e revistas de todo o mundo.
www.indkx.com/index.htm

28.. Site de câmaras virtuais, funcionando 24 hs por dia ao redor do mundo:
www.earthcam.com

LinkWithin

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...